O encontro das feras

0
3



Iniciado na noite de terça-feira (20) a 6ª edição do Congresso de Televendas ClienteSA reuniu executivos renomados do setor durante o jantar. Na abertura do evento, Vilnor Grube, diretor da Grube Associados homenageou Alexandra Periscinoto, fundadora da SPCOM, que faleceu no mês de agosto deste ano e deixou boas lembranças para o setor. Ainda no jantar os vencedores do Prêmio Personalidades Televendas 2011 e do Troféu ClienteSA foram anunciados. Ana Maria Moreira Monteiro, presidente da AM3 foi contemplada com o Personalidades de Ouro e a Atento foi eleita a Empresa do Ano. 



No dia seguinte (21), a palestra que abriu o congresso foi “Os desafios dos líderes em criar cultura, transformar em processo e ultrapassar resultados e criar empresas sólidas”, ministrada por Antonio Cássio, presidente da Zurich. O executivo contou suas experiências pessoais, desde a importância de ter metas, o que aprendeu com o seu pai, até a primeira empresa que ajudou a reerguer. Em seguida, Alessandro Goulart, presidente da Todo abordou a necessidade cada vez maior de ter novas tecnologias dentro do callcenter. “Nada irá suprir a falta de tecnologia”, foi o que o executivo afirmou diversas vezes durante sua apresentação. 



Com o mesmo foco, Lincoln Lima, gerente de planejamento estratégico de televendas da Claro, comentou o porque considerar as tecnologias disponíveis para convertê-las no efetivo de vendas ao escolher um parceiro. No mesmo painel, o consultor Walter Coelho discutiu mitos e verdades do mercado. E em seguida, Topázio Silveira Neto, presidente da Flex  e moderador do debate, Delson Diniz, sócio-diretor da Master e Alessandra Tosta, gerente de televendas e loja on-line da Nextel, expuseram seus pontos de vista sobre o planejamento de equipe vencedoras, em que todos ressaltaram que o sucesso das vendas depende também de funcionários engajados com a cultura da empresa.



Depois do almoço, a animada palestra de Edison Andrades, sócio da Reciclare Consultoria e Treinamento, abordou como encantar clientes com exemplos do dia a dia, e também falou sobre ter harmonia no ambiente de trabalho. Pouco depois, as redes sociais entraram na discussão do 6º Congresso de Televendas com o discurso de Ricardo Floresta, diretor de atendimento da SKY. A possibilidade de vender pela as mídias sociais e a proximidade com os clientes nortearam a apresentação. No mesmo painel, Sandro Schleder, gerente da Human,  disse que o relacionamento é uma conquista diária, e Frederico Dias, diretor da Altitude Software, ressaltou a futura tendência da automatização do atendimento ao cliente. 



Para finalizar o dia, José Humberto Affonseca, sócio-diretor da Sinasa-BMG e Marcos Peixoto, gerente executivo de planejamento e sites externos da TIM Brasil, apresentaram estratégias e dados sobre riscos e desafios assumidos que geram resultados dentro do segmento de televendas. A 6ª edição do Congresso de Televendas ClienteSA reuniu  430 executivos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorO encontro das feras
Próximo artigoNovas dinâmicas de atendimento