Unibanco ganha produtividade com solução SAS

0
3

Conhecer profundamente os mais de 14 milhões de clientes da Unicard Unibanco, que congrega as operações de cartão de crédito do Unibanco e da Fininvest, seria uma missão quase impossível se a instituição não tivesse feito, há quatro anos, investimentos maciços em tecnologia e recursos humanos. Segundo Carlos Formigari, diretor de projetos, os resultados já são muitos: maior eficácia para gerenciar a base de clientes, analisar o crédito e conhecer o comportamento da clientela por segmento, bem como sua propensão
para a compra.

O Unibanco foi uma das primeiras empresas do mercado brasileiro a adquirir a solução de datamining do SAS (Enterprise Miner). Desde 1999, o modelo de business intelligence da instituição é aperfeiçoado internamente e hoje vive um momento de expansão. A solução integra um sistema que dá sustentação às decisões de marketing, risco, comercial e cobrança, impactando positivamente até mesmo as decisões na central de atendimento a clientes. “O cliente passa o cartão numa loja e a aprovação do crédito precisa ser feita em apenas cinco segundos. O processo de decisão é on line, feito com base no histórico do cliente. Além disso, desenvolvemos a capacidade de decidir a aprovação de um cartão de crédito em 30 segundos, graças à aliança do trabalho de modelagem de dados e plataforma tecnológica de ponta”.

A combinação entre tecnologia e recursos humanos pode ser considerada a principal razão para o sucesso, já que, além do software, a Unicard Unibanco tem à disposição uma equipe interna – com mais de 50 profissionais entre engenheiros, economistas, estatísticos, matemáticos, administradores e pessoal de marketing – dedicada full time ao desenvolvimento de aplicativos. Além disso, existe dois laboratórios, um com 32 estações de trabalho para modelagem de dados e outro com estações volantes, para datawarehouse. “Todo esse trabalho de background é que dá sustentação ao serviço de atendimento dos clientes”.