Auxílio judicial nas relações de consumo

0
2



Com a missão de auxiliar os consumidores a se aprofundarem nos meios legais e aproximar o cunho judiciário das pessoas, chega ao mercado o YouLaw, portal que atua como uma plataforma onde os usuários podem desenvolver petições sobre o respectivo problema para acessar os Juizados Especiais. Criado pelos empreendedores Dhaniel Chveid e Peter Gaul, o portal nasceu com o objetivo de desmistificar o Poder Judiciário aos olhos do consumidor.

 

“Somos um meio alternativo para solução de conflitos onde reunimos consumidores insatisfeitos decididos a buscar os seus direitos judicialmente, privilegiando a via conciliatória em total consonância com os objetivos da Justiça brasileira. O consumidor precisa saber que o direito dele deve ser exigido, e assim teremos um mercado mais justo”, afirma Chveid, que é advogado de formação.

 

Somente nesse ano, segundo dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), pouco mais de 5,5 milhões casos foram acionados nos Juizados Especiais de todo o país. E, a ideia é que a internet ajude a aumentar esses números. “Estamos trazendo uma plataforma amigável, onde as pessoas podem iniciar uma busca na solução de diversos problemas em relação ao consumo, recorrendo facilmente à Justiça, se for o caso. E, contando com as ferramentas sociais presentes na web, também queremos dar força coletiva, agrupando as pessoas e dando um caráter muito maior para as ações”, conta Peter Gaul.

 

O YouLaw  traz a expectativa aos empreendedores de que sejam desenvolvidas ao menos 82 mil petições até o final de 2012. “Fizemos algumas análises para dar um norte, e pegamos apenas 1,5% do total de ações movidas nos Juizados Especiais até a criação do portal. Esse é um número mínimo que desejamos alcançar e, claro, podemos nos surpreender muito mais. Também queremos proteger os estrangeiros que visitam o Brasil”, almeja Gaul.