Baan registra crescimento de 86% com vendas de licenças de aplicativos

0
2

A Baan, empresa do grupo Invensys que atua na área de tecnologia de e-business e gestão integrada de manufatura, registrou no primeiro semestre de 2001 um faturamento de US$ 181 milhões, com incremento de 16% em relação ao mesmo período do ano passado. Os dados são referentes ao período fiscal que vai de março a setembro deste ano.

O crescimento foi devido à venda de licenças de aplicativos corporativos, que tiveram um acréscimo de 86% nos últimos três meses, enquanto o mercado apresentou uma queda de 13% em média. Mas para o presidente da Baan Inc., Laurens Van Der Tang, a companhia deve reforçar a sua estratégia de negócios para enfrentar os novos desafios que virão com as transformações no cenário mundial. “Os números mostram que conseguimos mais do que atingir o nosso objetivo. Demonstram que ainda somos uma companhia lucrativa”, afirma Van Der Tang.

Apesar de estar satisfeito com o nível dos serviços, aumento de receita e controle de custos, o presidente mundial da Baan diz que a companhia ainda precisa melhorar a sua performance de negócios para enfrentar o mercado que já vem apresentando sinais de desaquecimento, além das transformações no cenário econômico mundial após o atentado terrorista no World Trade Center. “O terceiro trimestre fiscal vai ser crítico. Portanto, temos um grande desafio pela frente e vamos trabalhar intensamente para vencê-lo.”

Para consolidar a sua posição no mercado de TI, a Baan vai apostar na estratégia dos canais de venda e novas ofertas de soluções. Fortalecer redes de distribuição, promover treinamento e melhor gerenciamento dos negócios fazem parte de um conjunto de medidas que será adotado a partir deste último trimestre. A intenção é agilizar os processos de negócios e oferecer melhor atendimento ao cliente final.