O canal para quem respira cliente.

Conexão Messem surge com foco no digital

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Vinícius Teixeira, head da Conexão Messem

A Messem Investimentos, escritório de agentes autônomos de investimentos credenciado à XP, anunciou o lançamento oficial da Conexão Messem, área focada no atendimento digital. “Trata-se de um formato de atendimento moderno, conectado e preparado para atender a todos os perfis de clientes, inclusive os iniciantes, independentemente do volume da carteira de investimentos. O atendimento é focado em vias digitais, como o WhatsApp. Como o próprio nome indica, a iniciativa nasceu para conectar as pessoas ao mundo dos investimentos, mas com economia de tempo, credibilidade e leveza”, afirmou o sócio da empresa e idealizador da novidade, Felipe Scheffler.

Já de acordo com o head da Conexão, Vinícius Teixeira, a estimativa é de que, em dois anos, 50 mil clientes estejam utilizando o serviço, que também terá conexão humana. Segundo ele, o modelo foi testado em fase de protótipo por 12 meses e já atende mais de 15 mil clientes. “Investimentos e o mercado financeiro são assuntos que têm se popularizado nos últimos anos e o investidor de hoje pode ter dificuldade de acompanhar todas as notícias e movimentos do mercado. Neste contexto, a Conexão ajuda ao proporcionar uma assessoria ágil e digital ao seu cliente, que ganha tempo e tranquilidade para focar em seu trabalho, seu estudo, sua família ou o que preferir” afirma Teixeira.

No modelo de assessoria da Conexão, foram formados times de especialistas em ofertas e novas oportunidades, e equipes especializadas exclusivamente em atendimento, otimizando resultados e dando agilidade ao processo. Segundo Scheffler, o período da pandemia restringiu a interação presencial e levou a Messem aperfeiçoar ainda mais o atendimento remoto. “Com profissionais qualificados, a Messem está preparada para oferecer um atendimento virtual de excelência. O NPS da organização atingiu o recorde histórico de 89% em 2021”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima