Renner aposta em loja com foco na circularidade

Espaço reúne atributos de sustentabilidade e iniciativas omnichannel que geram menor impacto ao meio ambiente e aprimoram CX

0
44

Aliando o propósito de construir uma moda responsável com a jornada de transformação digital, a Renner se prepara para apresentar um novo modelo de loja. A varejista vem desenvolvendo uma infraestrutura diferenciada para as unidades físicas, baseada no conceito de circularidade e omnicanalidade no ponto de venda, com foco em oferecer uma experiência de compra ainda mais sustentável, inovadora e encantadora aos clientes.

O objetivo é incorporar premissas de economia circular desde a concepção até a operação da loja, o que passa por utilizar materiais reciclados e recicláveis, diminuir a geração de novos resíduos e, com isso, minimizar ao máximo o impacto ambiental. Para isso, foi feito um intenso trabalho de pesquisa, desenvolvimento e estudos de viabilidade, junto com fornecedores e parceiros. O projeto nasceu em 2019 e vai se concretizar no último trimestre de 2021, com a reinauguração da loja situada no shopping Rio Sul, no Rio de Janeiro, que será a 1ª loja circular do Brasil.

“A Renner tem uma sólida estratégia ESG, com iniciativas voltadas para a produção de peças menos impactantes, redução das emissões de CO2, consumo de energia limpa e eficiência energética. Agora, avançamos ainda mais ao ampliar a presença de atributos de circularidade no ponto de venda, de forma pioneira no mercado”, afirma o diretor presidente da Lojas Renner, Fabio Faccio. A nova unidade deve reduzir em cerca de 55% a utilização de água, além de ter um potencial de aquecimento global menor, em função da diminuição de geração de resíduos, redução no uso de materiais e também pela presença de mobiliário circular.

A varejista já vinha trabalhando nessa estratégia de circularidade, e a loja no Rio Sul materializa a consolidação do modelo. Com atributos de sustentabilidade, a unidade vai apresentar um novo conceito de arquitetura, alinhado às premissas do design circular e seguindo os preceitos das certificações LEED e BREEAM.

As novidades começam pela fachada, que é permeável e tem um nível de transparência que permite maior visualização entre a área externa e o interior. Para oferecer mais bem-estar, o ambiente interno contará com biofilia, que preza pelo uso de plantas e elementos naturais. Já o mobiliário será circular, produzido com materiais recicláveis, dos manequins aos caixas. Os clientes ainda poderão aproveitar um espaço exclusivo dedicado a iniciativas circulares, com destaque para os produtos do Selo Re, que geram menor impacto ambiental em seu processo produtivo, e aos serviços de logística reversa pós-consumo disponibilizados pela Renner.

Além do foco na sustentabilidade, a loja dará visibilidade a iniciativas do ciclo digital da companhia, que vêm sendo implementadas para melhorar a jornada de compra e qualificar o relacionamento com os consumidores. Haverá tela com a Prateleira Infinita, que disponibiliza itens do estoque omni da Renner, assim como telas com conteúdos que sobre moda e sustentabilidade. O cliente terá mais canais digitais disponíveis para conhecimento de produto, origem, matérias-primas, processo e história das coleções.