Forbes destaca Interactive Intelligence

0
1



A Interactive Intelligence, fornecedora de soluções de comunicações IP unificadas, foi eleita pela revista Forbes Magazine uma das 100 Melhores Pequenas Empresas da América.  A empresa foi classificada em vigésimo sexto lugar, com base no crescimento da receita, vendas e retorno sobre o capital nos últimos cinco anos. “Nossa lista das 100 Melhores Pequenas Empresas da América congrega companhias com crescimento notável em vendas e receita”, declaram Brett Nelson e Kurt Badenhausen, editores da Forbes. “Durante o período avaliado, a Interactive Intelligence obteve um crescimento de vendas médio de 21%, lucro por ação de 43% e retorno sobre o capital de 34%, conquistando um lugar de destaque em nossa lista”, acrescentam.


A Forbes também classificou o fundador e CEO da Interactive Intelligence, Donald E. Brown, entre os dez vencedores na categoria 10 Self-Made Small-Company Stars, que reúne profissionais de pequenas empresas que obtiveram sucesso por esforço próprio. Brown é graduado pela Escola de Medicina da Universidade de Indiana em 1985 e detém outros dois títulos, em informática e física. A Interactive Intelligence é sua terceira empresa de software bem sucedida. Brown contou com outras cinco pessoas que participaram do desenvolvimento da companhia, fundada em 1994 e que tornou-se empresa de capital aberto com 3.500 clientes globais. A receita da Interactive Intelligence em 2009 foi de US$131,4 milhões e teve um crescimento nos primeiros nove meses de 2010 de 21% o em relação àquele ano.


A Interactive Intelligence desenvolve software de comunicação empresarial para automação de centrais de atendimento, telefonia IP corporativa e automação de processos de negócio. A companhia oferece soluções abrangentes para empresas de médio a grande porte, abrangendo desde software, hardware e consultoria, até serviços de suporte, treinamento e implementação – todos eles fornecidos no próprio local ou através de um modelo de comunicação como serviço baseado em nuvem. Entre suas especialidades verticais incluem-se serviços financeiros, seguros, terceirização/teleserviços, além de crédito e cobrança.


“É gratificante ser indicado para esta prestigiosa lista da Forbes, fato que demonstra nosso ótimo desempenho em vendas e alto valor para os acionistas”, comemora Brown. “Atribuímos grande parte de nosso recente sucesso à contínua conquista de negócios vultosos nas áreas de telefonia corporativa e centrais de atendimento. De fato, em 2009 mais que dobramos nosso volume de mais de US$1 milhão em pedidos em relação a 2008. Também estamos percebendo um enorme interesse em nosso negócio de Comunicação como Serviço (Caas) baseado em nuvem, que cresceu 59% em 2009 sobre o ano anterior”, conclui Brown.