O canal para quem respira cliente.

Solução evita violação à nova resolução sobre telemarketing da Anatel

Thiago Thamiel, cofundador da Robbu

Inteligência permite que operações recebam alertas quando as ligações se aproximam do montante permitido

No começo de junho a Anatel divulgou uma nova norma que prevê punição aos telemarketings que ultrapassarem o limite de 100 mil chamadas abusivas por dia aos seus clientes, uma medida que pode gerar multas de até R$ 50 milhões. Para evitar que as empresas violem esse despacho, a Robbu, empresa focada em soluções de atendimento digital omnichannel, anunciou o lançamento da Rflow, uma ferramenta que permite às centrais gerenciarem a utilização de seus troncos em tempo real, emitindo alertas assim que um patamar de ligações pré-estipulado for alcançado ou mesmo bloquear novos pedidos.

De acordo com a companhia, a solução é destinada a atender a necessidade de grandes bancos em garantir níveis superiores de CX. “De uma maneira simples, prática, objetiva e segura, as instituições financeiras passaram a avaliar o fluxo de acionamento dos discadores preditivos, seja controlando spin, restrições de feriados ou horários regulamentados por órgãos estaduais de defesa do consumidor, entre inúmeras outras possibilidades. Dessa forma, além de garantir uma melhor experiência com seus clientes, a ferramenta permitiu que essas instituições também controlassem algo que até então ficava nas mãos das BPOs/Contac Centers, evitando, assim, penalidades a que eram submetidas”, explicou.Thiago  Thamiel, cofundador da Robbu.

De acordo com o executivo, a Rflow atua em três principais frentes: no controle de chamadas originadas pelos telemarketings, de tentativas cross-channel entre canais digitais, discadores e agentes digitais e no bloqueio e liberação de telefones de maneira dinâmica. “A solução traz mais inteligência para a operação. Além de funcionar como uma aliada para melhorar a experiência com os clientes, ela também contribui para que uma empresa não viole normas estabelecidas pelos órgãos de defesa do consumidor – algo que pode gerar multas astronômicas para as organizações. Nosso objetivo é sempre esse, garantir que os nossos clientes consigam dar o próximo passo no atendimento aos seus clientes”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima