Bmg adota plataforma de IA

Com solução, banco amplia produtividade e otimiza tomada de decisões de dias para algumas horas

0
8
Flavio Guimarães Neto
Flavio Guimarães Neto

O isolamento social imposto pela pandemia transformou a forma das empresas se relacionarem com os clientes. Os bancos, que já trilhavam a jornada de digitalização, aceleram ainda mais a automação em algumas de suas áreas. É o caso do Bmg que, aos 90 anos, une a tradição e a inovação em um novo conceito de empresa. Eleito como a instituição que proporciona a melhor experiência na abertura de contas digitais, segundo o Ranking de Experiência Digital em Abertura de Conta da idwall, o Bmg encontrou na DataRobot um parceiro estratégico para ampliar a automação em áreas de crédito, risco, CRM e marketing.

Ao adotar a plataforma de Inteligência Artificial que compreende Automação de Machine Learning e MLOps da empresa americana, o banco consegue acessar uma série de insights para a tomada de decisão mais rápida e assertiva. “Com a automatização e inteligência dos processos, os resultados foram percebidos em pouco tempo, com ganhos de até 50% em termos de precisão de modelos”, destaca Jonathan Farinela, cientista de dados da DataRobot. Com a solução, as equipes podem extrair informações para ajudar na experiência do cliente e na geração de negócios, a partir de uma abordagem fundamentada em inteligência de dados. Esse processo pode envolver desde cientistas de dados, analistas de negócios, profissionais de TI responsáveis pela governança e conformidade, até as principais lideranças da empresa por se tratar de um modelo com uma interface user friendly.

“O Bmg quer democratizar o uso de inteligência artificial para toda a companhia, além de utilizá-la em prol de seus clientes, que receberão ofertas adequadas de acordo com os diferentes perfis. Nossa plataforma conversa diretamente com esse momento de inovação e transformação digital do banco”, afirma Rodrigo Bertin, diretor de IA da DataRobot para a América Latina. “Nossa meta é automatizar e democratizar a criação de modelos preditivos, utilizando a competição como diferencial para entregar o melhor modelo com base nos dados que o Banco Bmg disponibilizar, naquele momento, utilizando nossa tecnologia e expertise em ciência de dados reconhecidas no mundo inteiro.”

“Com essa nova parceria, o Bmg quer melhorar sua produtividade e otimizar a tomada de decisões, aperfeiçoando cada vez mais as entregas aos clientes por meio da utilização de dados. Saber trabalhar com essas informações gera diferencial competitivo no mercado”, diz Flavio Guimarães Neto, diretor do Bmg. “Hoje contamos com mais de cinco milhões de clientes ativos e essa base é muito importante para gerar dados que vão nos trazer a possibilidade de inovar e transformar ainda mais o banco.”