Kimberly-Clark lança programa de conexão com startups

Empresa busca soluções inovadoras para processos e produtos, com foco na experiência de consumidores e clientes

0
6
Silvio Veloso, diretor de Transformação Digital da Kimberly-Clark
Silvio Veloso, diretor de Transformação Digital da Kimberly-Clark

A Kimberly Clark anuncia o K-Conecta, novo programa de conexão com startups, gerenciado pela consultoria em gestão da inovação Innoscience. Ela pretende selecionar até 10 startups que trabalharão para encontrar soluções inovadoras para os desafios de negócio, com foco em proporcionar novas experiências para os clientes e consumidores dos produtos.

As startups interessadas poderão se inscrever até 29 de julho de 2020, pelo site. As startups selecionadas serão convocadas para um pitch day, previsto para ocorrer em agosto. Os projetos aprovados passarão por um período de imersão. Após esta etapa, as startups escolhidas executarão um projeto piloto ou prova de conceito, de três meses, em ambiente comercial, para assim validarem a aderência de suas soluções às necessidades da empresa. Ao final do programa, as startups participantes poderão se tornar fornecedoras ou parceiras estratégicas da Kimberly-Clark, ajudando na expansão do negócio.

“A inovação sempre fez parte do DNA da Kimberly-Clark e estamos sempre em busca de soluções inovadoras para a empresa e para nossos consumidores. O K-C Conecta é reflexo desta estratégia de acessar o ecossistema externo de inovação, ampliando nossos horizontes e trazendo agilidade para a inovação”, destaca Silvio Veloso, diretor de transformação digital da Kimberly-Clark.

Entre alguns dos desafios para os quais a empresa busca soluções inovadoras estão: a automação do gerenciamento de ocorrências nas entregas de mercadoria para área de Logística, soluções de economia circular para embalagens, shopper experience no PDV, que ajudará a proporcionar ao consumidor uma experiência de compra mais acertada, entre outras. Na frente de produto há ainda um desafio que busca por soluções que ajudem o consumidor a sentir ou confirmar que seu banheiro residencial ou o banheiro público esteja livre de vírus e bactérias.

“O programa traz para as startups uma oportunidade para testar suas soluções em uma empresa multinacional, como a Kimberly-Clark, além da possibilidade de geração de negócios de forma rápida”, comenta Maximiliano Carlomagno, sócio-fundador da Innoscience. “Isso sem falar no potencial de escala, networking e visibilidade pela chancela de uma empresa líder em seu setor.”