Bem-estar no atendimento

0
15



Falta de paciência, insatisfação, nervosismo, desequilíbrio emocional, oscilação de humor e intolerância alimentar. Estes são alguns dos sintomas que qualificam o estresse. Segundo estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS), em média, 90% da população mundial sofre desse “mal”.  E pensando em como aliviar estes sintomas de seus funcionários, é que a Proxis, empresa de contact center, resolveu oferecer práticas saudáveis. Uma dessas práticas foi a recente contratação de quatro massoterapeutas cegos. O serviço foi implantado no último mês.

 

“Decidimos trabalhar a inclusão social atrelada à proporção de relaxamento para o resolvedor que tem uma jornada pesada e necessita de relaxamento. Por conta disso, criamos uma sala especial de massagem, pois tudo é pensado para prevenir possíveis problemas como estresse. Como eu sempre digo, é preciso sempre se atentar para os quatro corpos do individuo: físico, emocional, intelectual e espiritual”, revela Jimmy Cygler, CEO da Proxis.

 

Ao longo dos 12 anos, Jimmy ressalta que a empresa desenvolveu diversos programas pensando no conforto, pois acredita que incentivando os trabalhadores, a empresa é quem ganha. “Nosso valor é: ser humano, sempre. Conceito aplicado tanto no respeito ao próximo quanto no sentido de tomar sempre atitudes que enalteçam o fator humanidade. Com base nisso, formatamos diversas iniciativas para garantir o bem-estar de nossos resolvedores, termo que utilizamos para definir colaborador”, conta.

 

Dentre as práticas adotadas, estão o Clube da Saúde, onde uma vez por mês se discute sobre temas de qualidade de vida, trazendo inclusive especialistas para integrar a conversa; Café com o presidente, caracterizado por um encontro mensal para falar sobre os anseios e sugestões para os próximos desafios da companhia e a percepção de todos sobre o trabalho desenvolvido; e Clube do Livro, que conta com aproximadamente 500 exemplares dos mais diversos gêneros literários, funcionando como uma biblioteca.