Prêmio Nacional de Telesserviços divulga balanço

0
5



Praticamente a metade (45%) das empresas que vão concorrer ao Prêmio Nacional de Telesserviços – edição 2010 estão participando pela primeira vez do evento organizado pela ABT – Associação Brasileira de Telesserviços. A constatação vem do balanço que a Comissão Organizadora do Prêmio fez a partir da entrega dos cases inscritos para a disputa deste ano. “O sucesso das edições anteriores e o valor agregado à marca das empresas vencedoras certamente despertam o interesse de outras que nunca concorreram”, diz Jarbas Nogueira, presidente da ABT.

 

Empresas de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba, Uberlândia e Campo Grande lideram o número de cases inscritos. “Rio e São Paulo ainda concentram boa parte das operações realizadas no país. Mas, por causa da expansão contínua do setor, de 10% ao ano, outros mercados se destacam. Isso também contribui para essa participação tão significativa de outras praças em nossa disputa”, justifica Nogueira.

 

Ainda de acordo com a Comissão Organizadora do evento, o número de cases inscritos ao prêmio aumentou em 31%, se comparado ao número registrado na edição passada. As categorias ´Melhor Equipe´ e ´Melhor Ação de Capacitação´ são as mais disputadas pelas empresas na edição 2010. ´Telecomunicações´ e ´Soluções em TI´ são os setores mais concorridos. Trabalhos de mídia (matérias jornalísticas e livros sobre teleatendimento) e acadêmicos (defesa de teses) também concorrem ao Prêmio, que se encerra com a escolha da ´Personalidade Nacional do Ano´, eleita por votação dos associados da ABT.