A empresa

0
3



Imagine uma empresa em que todos são contratados e há níveis com culturas organizacionais tão diferentes que nem parecem fazer parte da mesma corporação. Este é o ambiente descrito no livro “A Empresa”, de David Gregory, lançado pela Thomas Nelson Brasil. Escrita no formato de uma parábola, a obra promete ajudar a responder algumas das perguntas recorrentes do dia-a-dia.

 

Logan, o personagem central da trama, é contratado para fazer um diagnóstico organizacional de cada um dos níveis gerenciais da empresa. Ele fica surpreso ao detectar que, no primeiro estágio, estão pessoas aparentemente desocupadas, resolvendo somente questões pessoais. No segundo nível, Logan se depara com pessoas 100% comprometidas com regras e a integridade de caráter. Ao passar pelo terceiro nível, o personagem se assusta com a falta de alinhamento com os objetivos da organização.

 

O protagonista da parábola pensa que achou o “nirvana organizacional” quando chega ao quarto estágio da empresa. Inicialmente parecia um conjunto coeso de pessoas trabalhando muito bem, comprometidas em dar o melhor de si e adorando o que faziam. Depois de algumas discussões com um colega, percebe que ali, como nos outros níveis da empresa, as pessoas estavam 100% preocupadas com os próprios interesses e que o compromisso perfeito com a organização não passava de uma aparência.

 

Foi então que chegou ao quinto nível da empresa, com um contingente de colaboradores muito menor do que os outros níveis que tinha visitado antes. Ali, ele encontrou um grupo que aparentemente não produzia muito, mas era responsável pela manutenção financeira de todos os outros funcionários da organização. Surpreso com esta informação, Logan se debruçou a estudar os processos produtivos do quinto estágio e encerrou a aventura organizacional.


Ficha Técnica
Título: A empresa
Autor: David Gregory
Editora: Thomas Nelson Brasil
Número de Páginas: 144
Preço: R$ 19,90