Banco no celular

0
3



A Siemens Enterprise Communications e a Wasys são as novas parceiras tecnológicas do HSBC em seu recém-lançado HSBC Direct. As empresas são responsáveis pelo desenvolvimento da plataforma mLife, que viabiliza a realização de transações financeiras via telefone celular, uma das facilidades oferecidas aos usuários Direct. Lançado no Brasil no último mês de março, o novo modelo de relacionamento com o cliente não exige participação da agência, permitindo transações também via Internet, caixas automáticos, telefone e chat.

 

Por ser baseada em SOA (Arquitetura Orientada a Serviços), a solução adotada facilita a integração com sistemas legados, adaptando-se aos processos de negócios do cliente. Conta com uma biblioteca de componentes pré-configuráveis, que reduz drasticamente o tempo de projeto, além de ser compatível com a maioria dos sistemas utilizados pelos celulares disponíveis hoje no mercado (Android, BlackBerry, iPhone, Symbian e modelos com Java padrão J2ME MIDP 2.0).

 

Ao baixar a mLife no celular, o usuário do HSBC Direct pode realizar operações bancárias diversas, como pagamentos e recargas, com a segurança proporcionada pelo Mobile Token. A ferramenta é responsável por gerar uma senha de seis dígitos, aleatória e diferente, que pode ser utilizada para acessar os canais Internet, caixas eletrônicos, telefone e chat. No celular, o Token é gerado dinâmicamente a cada requisição, eliminando a necessidade de ser digitado pelo usuário. “Essa funcionalidade simplifica e agiliza as transações, sem comprometer a segurança do processo”, explica Marcos Alberto Pereira, gerente de contas da Siemens Enterprise Communications.

 

No HSBC, a solução da Siemens e Wasys utiliza conexão GPRS – a plataforma também está preparada para operar com transmissões Bluetooth, Wi-Fi e SMS. O protocolo mXML desenvolvido exclusivamente para a mLife garante um tráfego de dados até 100 vezes menor que em um acesso HTML. “Este é um diferencial do produto, pois resulta em economia principalmente para os usuários de celulares pré-pagos, que representam 80% dos 152 milhões de aparelhos em operação no Brasil”, afirma Edegar de Oliveira, diretor comercial da Wasys Technology.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorLei do mínimo esforço
Próximo artigoSegurança no e-commerce