QIBras lança estudo sobre setor

0
2



A QIBras – Qualidade da Informação Brasil, lança, hoje (7/6), estudo sobre o setor no País. A pesquisa instantânea foi realizada com 320 participantes da 1ª Conferência Internacional em Qualidade da Informação, promovida recentemente pela entidade em São Paulo. Entre os resultados, o estudo apontou que o nível de impacto da qualidade da informação na empresa em que cada participante trabalha é considerado alto ou muito alto pela grande maioria das pessoas, somando 86% dos participantes. Os índices de regular, baixo e muito baixo foram, respectivamente, 9%, 2% e 3%.

 

Primeiro de uma série que a associação vai realizar, o levantamento foi feito com gestores de organizações como Correios, Serasa, Associação Comercial de São Paulo, Telefonica, Bradesco Seguros, Banco Central e Banco Santander, entre outros. Chamado “A Qualidade da Informação no Brasil”, o estudo visa a apresentação da importância do tema nas organizações nacionais e multinacionais que atuam no mercado brasileiro.

 

Em relação ao departamento / área responsável pelo tema nas organizações, o estudo mostra que, na maioria dos casos, a qualidade da informação é tratada pela área de TI em 30% dos casos. O mesmo índice é verificado para “não existe pessoal definido”. O resultado aponta um problema a ser administrado no Brasil. Segundo Frank Block, consultor de Qualidade da Informação no Banco UBS/Suíça, este é um dos grandes equívocos das organizações. “A qualidade de dados precisa estar ligada ao business e não a uma área específica”, disse durante a Conferência.