Redecard fecha 2003 com faturamento de R$ 43,5 bilhões

0
8

A Redecard, empresa responsável pela captura e transmissão de transações com cartões de crédito e débito das bandeiras MasterCard, Maestro, RedeShop, MasterCard Electronic, Maestro e Diners Club International, fechou o ano de 2003 com um faturamento de R$ 43,5 bilhões. Este valor representa um crescimento de 26 % em comparação ao ano de 2002, onde o interior do Estado de São Paulo e a Região Sul do País obtiveram os maiores índices, 38% e 36,3% respectivamente, resultantes da quebra de barreiras no hábito do consumidor, que passou a utilizar mais o cartão de crédito e débito nas suas compras.

O crescimento alcançado também deve-se à estratégia adotada pela empresa em traçar novas diretrizes com o objetivo de ampliar o leque de relacionamento e a área de atuação. Entre estas ações especialmente elaboradas com foco em preservação ambiental destaca-se o Projeto Reciclar. Em agosto, a Redecard passou a utilizar o papel reciclado no material que é enviado aos 740 mil estabalecimentos credenciados, bem como em toda a papelaria da empresa, seja extratos, lâminas e demais comunicações.

As novidades da Redecard na área tecnológica foram o Electronic Referral e o Radar de Transações. A primeira é uma ferramenta de consulta no POS (Point of Sale), totalmente automatizada, para conter fraudes em transações ditas referidas (capturas não autorizadas que exigem um contato do portador com o emissor para a verificação do ocorrido) em conjunto com emissores de cartões. O Radar de Transações é outra solução de gerenciamento on line do volume de transações por meio de um banco de dados que armazena as informações dos últimos 30 dias, conforme as necessidades dos emissores e parceiros da empresa.