Trend Micro divulga pesquisa sobre Spam

0
0

A Trend Micro, empresa de antivírus corporativo e segurança de conteúdo, divulga as principais descobertas de uma pesquisa sobre Spam, realizada entre profissionais de tecnologia e tomadores de decisões na área de Tecnologia da Informação (TI). O Spam, isto é, mensagens eletrônicas não solicitadas, foi identificado como um dos principais problemas tecnológicos pelos participantes da pesquisa, sendo que mais de 66% dos entrevistados expressaram sua preocupação com a perda de produtividade e as ameaças de vírus e códigos maliciosos encontrados no Spam.

Os principais achados da pesquisa da Trend Micro são: Uma epidemia de Spam está a caminho: mais de 70% dos entrevistados concordam que o Spam já alcançou proporções epidêmicas; mais de 50% das organizações participantes da pesquisa já tiveram a experiência de ver um aumento de 25 a 100% no volume de Spam recebidos nos últimos três meses; uma ameaça à produtividade e segurança: a perda de produtividade e os códigos maliciosos relacionados ao Spam são os principais problemas dessas mensagens indesejáveis, de acordo com 66% dos profissionais de tecnologia entrevistados; um em cada três entrevistados acredita que os vírus vem em Spams recebidos por suas organizações; o Spam constitui uma das três principais prioridades de TI, de acordo com quase a metade de todas as organizações participantes.

As soluções preferidas: embora o Spam claramente represente uma prioridade urgente, quase 30% das organizações pesquisadas não utilizam uma solução antispam que abranja a empresa toda. A maioria dos entrevistados concordou que a filtragem antispam mais eficaz ocorre no gateway e nos servidores; os três principais fatores que determinariam qual solução antispam seria comprada são a taxa de captura, a reputação do fornecedor e um baixo índice de falsos positivos e os entrevistados identificaram a filtragem heurística, baseada em regras de bloqueio personalizadas e listas negras em tempo real, como a principal tecnologia para o bloqueio de Spam.

“O Spam, que carrega males como congestionamento de servidores, entupimento de caixas postais, vírus e Scans (programas espiões que podem roubar senhas e números de cartões de créditos para estelionato on line), entre outros, acarreta perda de produtividade e de recursos de diferentes formas. As técnicas usadas nesses e-mails não legítimos estão se sobrepondo e para evitar seus prejuízos eles precisam ser bloqueados no gateway, antes que entrem na rede dos clientes”, afirma John Maddison, gerente de produtos para Gateways da Trend Micro.