O canal para quem respira cliente.

Quando chega a hora de mudar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin



Desde que investiu na construção de uma nova fábrica na região Nordeste do país, em 2011, a Nissin-Ajinomoto vem registrando um crescimento rápido. Como resultado, o volume de ligações aumentou, assim como as demandas de interação com o consumidor. Era a hora de também avançar na comunicação eficiente entre as informações capturadas nessas interações e as tomadas de decisões estratégicas. “Precisávamos de um projeto que envolvesse soluções para ampliar o nosso canal de atendimento ao consumidor, que era a nossa principal necessidade”, explica Mirella Marchi, gerente de Comunicação e Relacionamento da Nissin.

 

Com oito meses de duração, foi desenvolvido um projeto de modernização do serviço de atendimento pela equipe interna de TI e implantado pela MC1, parceira há mais de 10 anos da Nissin. Especializada em soluções de mobilidade e inteligência de mercado, ela também foi responsável também pelo diagnóstico do cliente e análise para dimensionar os tipos de tecnologias necessárias para atualizar a versão formulada posteriormente.

 

Com o módulo “Fale Conosco”, a Nissin teve ganhos no tempo de resposta ao consumidor, obtidos por meio de solução parametrizável pelo próprio cliente, facilitando o relacionamento do time de marketing com os consumidores. Outra novidade é a experiência da integração de informações do Twitter direto no histórico da ferramenta CV\CRM. Com isto, a Nissin receberá mais informações relevantes sobre os consumidores, assim como poderá desenvolver um contato mais próximo e adequado com as necessidades deles. Além disso, com a adequação do Módulo de Marketing Direto e Pesquisa, os dados estratégicos passaram a ser utilizados pela área de marketing, de modo que influenciassem nas tomadas de decisões.

 

Dentre os resultados alcançados, a Nissin conquistou um melhor sistema de atendimento, aumentando o número de contatos recebidos. Agora, com a nova solução, a empresa consegue atender 400 clientes por mês, em média. “Há mais interação com consumidores e fornecedores. O relacionamento com a sociedade e stakeholders tem se ampliado com o mesmo custo. Por isso o departamento mudou de nome. Não é apenas SAC, agora se trata de Comunicação e Relacionamento”, relata Mirella. O próximo passo do projeto será a implementação do histórico de Facebook no software, para ampliar o atendimento pelas redes sociais e o contato via SMS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima