Sobral aposta no banco de dados para crescer

0
0

10/04/01 – 17:02 – A Sobral Marketing Direto quer aproveitar a demanda aquecida, no setor de atendimento a clientes, e crescer 30% este ano em relação ao anterior, mesmo não sendo uma agência de callcenter tradicional. Nosso foco não é o atendimento propriamente dito mas a administração do banco de dados de nosso cliente. Para nós, o telemarketing, ativo ou receptivo, é uma ferramenta de trabalho, observa o sócio-diretor Silvio Bianchi.

Em suas 20 posições de atendimento, o que parece pouco porém suficiente para uma empresa que trata o database marketing como matéria-prima de seu produto, atua também em SAC, e-mail response e fulfillment. Acredito que nosso diferencial seja a integração entre os dados, fornecidos pelas empresas que nos contratam, e os serviços de telemarketing e fulfillment, explica. A empresa também dispões de resposta on line por chat e e-mail.

Um dos produtos que a Sobral mais aposta é o geomarketing: um mapa que fornece, para a empresa que contratou o serviço, a concentração de clientes em determinadas regiões do País, do Estado etc. Se a companhia quiser, por exemplo, distribuir seus outdoors pela cidade, nós fornecemos os locais onde estão seus clientes potenciais, garante Bianchi.

Entre os clientes da Sobral, Bianchi destaca CTBC Telecom, DuPont do Brasil (divisão agrícola), Johnnie Walker Black Label, Novartis, Paramount Lansul (Pingouin/Lacoste), Philips (divisão luminárias), Pial Legrand, Klabin Segall, Vila Romana e Boehringer, entre outras.

Para a CTBC Telecom, mantém 16 posições de atendimento dentro da ACS (callcenter do grupo Algar, controlador da CTBC), em Uberlândia. A Sobral é responsável pela administração do Programa de Relacionamento Ligação, em que a operadora pontua os clientes de acordo com suas ligações, seja na telefonia fixa ou na celular, premiando o assinante com produtos e serviços da operadora, os quais ele não dispõe, e até mesmo com viagens aéreas pela TAM. A ACS é especialista em atendimento e nós em administração de banco de dados, daí o fato desta parceria estar chegando ao terceiro ano, alegra-se Bianchi. A Sobral analisa a minutagem das ligações, calculando os pontos que o usuário terá no Programa de Relacionamento Ligação.

Outra atividade que Bianchi destaca é a área de sistemas, onde desenvolvemos softwares de acordo com o serviço que o cliente nos pede, diz.

A Sobral foi criada há seis anos pelo empresário André Sobral, até hoje sócio majoritário. Além dele e de Bianchi, há também a sócia Gisele Paolillo. Localizada no bairro paulistano de Campos Elísios, a empresa conta atualmente com 60 funcionários.