Da escola para o mercado de trabalho

0
1

O objetivo é capacitar profissionalmente alunos e ingressá-los no mercado de trabalho. A parceria é entre a TMKT Marketing de Relacionamento e a Escola Estadual Godofredo Furtado, através do “Projeto Escola”. Localizada em Pinheiros, na capital paulista, a instituição tem 1.100 alunos, dos quais devem receber capacitação profissional e a inclusão no mercado de trabalho 100 jovens que cursam o 3º ano do ensino médio. Ao término do curso, com duração de um ano, os alunos poderão, inclusive, ser contratados pela própria TMKT.
Com o início das aulas marcado para o dia 1º de março, a primeira fase do projeto (já concluída) foi a reforma e a estruturação completa (equipamentos modernos, Pontos de Atendimento, entre outros) de uma das salas de aula pela TMKT, para que os alunos tivessem toda a estrutura necessária para a realização do curso. “Por fazerem parte de um setor de alta empregabilidade, as empresas de Call Center exercem um importante papel nas ações de responsabilidade social. Mais importantes do que milhões de doações para campanhas, que muitas vezes são apenas esporádicas, é ter a oportunidade de oferecer a chance do primeiro emprego e de formar profissionais capazes de enfrentar o mercado de trabalho”, afirma Alexandre Jau, presidente da TMKT.
O programa do curso é composto por cinco núcleos: Tecnologia (Informática e Telecom), Apresentação Pessoal (postura, atitudes, marketing, finanças e RH), Atendimento a clientes, Língua Portuguesa (vícios de linguagem, interpretação de textos e redação) e Noções de Telemarketing com Laboratório (Pontos de Atendimento e Produtos). O curso foi estruturado por monitores contratados pela TMKT, que buscaram na estrutura do SENAC todo o procedimento necessário para que ele tenha o cronograma ideal para a formação dos novos profissionais.
Para Eliana Dantas, diretora da escola, a realização do projeto vai ser de extrema importância para a escola. “Ficamos muito felizes quando a TMKT nos procurou e mostrou do que se tratava o Projeto Escola. Sem esse parceria, nós nunca teríamos condições para realizar um projeto com essas dimensões. Vai ser muito gratificante ter a oportunidade de ver nossos alunos capacitados profissionalmente e ingressados no mercado de trabalho. Esperamos que essa parceria possa durar muito anos”, comemora a diretora.