Compesa muda infra-estrutura de rede

0
12


A Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento), responsável pelo atendimento de mais de um milhão de clientes no estado, conseguiu baixar os custos com telefonia em 50%, diminuir o tempo de atendimento ao cliente de 15 para apenas 5 minutos e ainda obteve um controle cem por cento eficaz sobre os dados que trafegam em sua rede, com a implementação de um projeto desenvolvido em parceria com a Enterasys Networks e Siemens. A nova rede integra voz, dados e imagens e amplia os serviços via web.

Em novembro do ano passado foi firmado um contrato, da ordem de R$ 10.9 milhões, na forma de consórcio, entre as empresas Siemens e Aragão Engenharia e Comércio, que previa a utilização de Ativos de Rede e IDS da Enterasys, empresa especializada em redes seguras. Ao todo, foram adquiridos 51 ativos de rede, sendo 44 da linha Secure Stack A2, um Matrix N7, dois Matrix E1, um Dragon Server/Sensor e os softwares de gerenciamento de rede Netsight Console, Policy Manager e Automated Security Manager.

Com esta nova infraestrutura de rede, que promoveu a integração das unidades Cruz Cabugá, Aurora e Cabanga, os executivos da Compesa conseguem agora uma comunicação muito mais rápida em todo o estado – as informações trafegam na rede a uma velocidade de até 1GB. E a possibilidade de utilizar a rede também para a transmissão de voz reduziu o número de centrais telefônicas de 27 para apenas 3, concentradas em uma única nova URA.

“O ponto crucial de toda esta nova infraestrutura, porém, é o alto nível de segurança que dispomos para utilizar a tecnologia a nosso favor”, afirma Romildo Porto, gerente de processamento de dados da Compesa. “Com a arquitetura de Rede Segura Enterasys, passamos a ter uma política de identificação de usuários e um gerenciamento de segurança no próprio hardware, equipamento que possui uma elevada vida útil e que suporta as novas tecnologias”. Segundo Romildo, a comunicação interna e externa possibilitada com a nova rede proporciona uma grande economia em telecomunicações, o que fará com que o projeto seja totalmente pago em quatro anos.

O contrato com a Enterasys e Siemens disponibilizou ainda soluções de conectividade e de suporte técnico capazes de prover a operacionalização dos Sistemas Informacionais, Sistemas Corporativos, Sistema de Gestão Empresarial, Sistema de Impressão Departamental, acessos às Bases de Dados Públicas e Institucionais, acesso às informações e serviços na web, videoconferência e comunicação corporativa de voz por meio de tecnologia IP.