Clique e visite a landing do Congresso ClienteSA 2022

O canal para quem respira cliente.

Um em cada três brasileiros espera mudar de casa nos próximos anos

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Thiago Reis, gerente de dados do QuintoAndar

Principais motivos estão relacionados a projetos pessoais, características do imóvel e insatisfação com o bairro

O Censo QuintoAndar de Moradia, pesquisa realizada em parceria com o Instituto Datafolha, mostra que 33% dos brasileiros têm a intenção de mudar de residência nos próximos dois anos. O estudo aponta que os paulistanos são os mais propensos a realizar essa mudança (36%), à frente dos moradores das regiões metropolitanas de Rio de Janeiro (34%) e Belo Horizonte (26%). O desejo é mais frequente entre quem vive de aluguel (58%) e mora em apartamento (38%).

Dos que pretendem se mudar de residência, 36% colocam como principal motivo projetos pessoais – como ter a casa própria (19%) ou morar perto do trabalho (4%). Ainda segundo a pesquisa, itens relacionados ao imóvel – como um lugar mais espaçoso (11%) e problemas estruturais (10%) – e insatisfação com o bairro somam 45% da motivação dos entrevistados.

O levantamento revela que mudar de bairro também é uma opção para 36% dos brasileiros, sendo que o desejo é ainda maior nas regiões metropolitanas do Rio de Janeiro (49%) e de São Paulo (48%). A mudança também é considerada por quem mora no interior, com um percentual acima da média (43%) quando comparado às capitais e regiões metropolitanas (32%).

Em contraponto, 34% dos brasileiros afirmam gostar do bairro onde moram. A nota média nacional de satisfação com o bairro é 7,4. A região que reúne mais satisfeitos é o Sudeste (38%), seguida do Nordeste (37%), Norte (35%) e Sul (31%). O estudo mostra que a satisfação aumenta conforme a renda.

Qualidade de serviços e infraestrutura
“Os dados coletados pelo Censo QuintoAndar de Moradia são essenciais para entendermos mais sobre os desejos e as intenções do brasileiro. Assim, conseguimos aprimorar nossos produtos e serviços para atender às necessidades mapeadas e nos aproximamos do nosso propósito de fazer cada vez mais pessoas morarem melhor”, afirma Thiago Reis, gerente de dados do QuintoAndar. 

Segundo a pesquisa, um em cada quatro brasileiros (27%) afirma estar insatisfeito com o bairro que mora atualmente. Uma das razões é a qualidade dos serviços e infraestrutura oferecidos.  E, ao se analisar os serviços oferecidos pelo bairro, a nota média dada foi 6.6. Os itens que receberam a melhor avaliação foram: coleta de lixo domiciliar (8,1), escolas e comércio (ambos com 7,8), ruas iluminadas (7,5), ruas silenciosas (7,3), hospitais e ruas limpas (ambos com 7,1). 

Em contrapartida, atividades culturais (4,3), shoppings (4,4), áreas para esportes (5,6), ruas asfaltadas (6,1), transporte, calçadas conservadas e coleta de lixo reciclável, (empatados com 6,3), segurança (6,4) e áreas verdes (6,5) são os serviços que causam maior insatisfação entre os entrevistados.

Segundo as notas dadas aos serviços, quase metade dos brasileiros não estão satisfeitos com o asfaltamento das ruas (47%), conservação de calçadas (47%), segurança (45%) e opções de transporte coletivos como ônibus, metrô, vans e trens (45%). Para chegar aos percentuais, foram consideradas todas as notas de 0 a 6. 

Metodologia da pesquisa
O Censo QuintoAndar de Moradia traz informações sobre o mercado residencial no Brasil, a caracterização do domicílio, além de hábitos, anseios e desejos dos brasileiros. Ao todo, foram realizadas 3.186 entrevistas com a população brasileira, com idade a partir de 21 anos, em todas as cinco regiões do país (Sudeste, Sul, Norte, Nordeste e Centro-Oeste). Há, ainda, uma amostra representativa das regiões metropolitanas de Rio, São Paulo e Belo Horizonte e dos macropolos da Baixada Santista e de Ribeirão Preto. A pesquisa foi feita por meio de entrevistas pessoais em pontos de fluxo populacional entre os dias 11 e 21 de outubro de 2021 e tem margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos para o total da amostra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima