Paulistanos mais otimistas

0
0
Os consumidores paulistanos estão mais otimistas em outubro. É o que revelou o Índice de Confiança do Consumidor, ICC, apurado pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo, FecomercioSP. A pesquisa atual registrou aumento de 1,8% no ICC em relação ao mês anterior.
O indicador que, em setembro, registrava 136,7 pontos, agora está na casa dos 139,2 pontos – em escala que vai de zero (pessimismo total) a 200 pontos (otimismo total). Para a FecomercioSP, a evolução do indicador em outubro reflete a diminuição da instabilidade econômica observada nos últimos meses, devido, principalmente, à baixa dos preços ao consumidor.
Na apuração segmentada por idade, sexo e renda, o ICC apontou que os consumidores que ganham dez salários mínimos ou mais estão 5,8% mais confiantes, passando de 129 pontos (em setembro) para 136,4 pontos em outubro. As mulheres também foram responsáveis pela alta do índice, com aumento de 2,8% na confiança. No mês passado, o índice registrou 132,2 pontos. Agora, está na casa dos 135,9 pontos.
 
Os dois indicadores que compõem o índice de confiança apresentam leve disparidade este mês. O Índice de Condições Econômicas Atuais, Icea, apresentou recuo de 0,1%, mas permaneceu na casa dos 139,5 pontos apurados em setembro. Já o Índice de Expectativa ao Consumidor, IEC, avançou 3,1% – enquanto setembro registrou 134,9 pontos, outubro marcou 139,1 pontos. A FecomercioSP atribui a retomada da confiança do paulistano à queda da inflação e à segurança do consumidor em relação à renda, que mantém seu poder de compra.