Financiamento de veículos em queda

0
2
Os financiamentos de veículos no Brasil somaram 376.535 unidades em maio. Fechando o mês com queda de 13,6% em relação ao mesmo período do ano passado. Desse total, entre autos leves, motos e pesados, foram financiados 145.498 veículos novos e 231.037 usados. O levantamento é da Unidade de Financiamentos da Cetip, que opera o Sistema Nacional de Gravames (SNG), base integrada de informações que reúne o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito em todo o Brasil. O SNG impede que o processo de financiamento de veículos seja suscetível a fraudes sistêmicas.
Novos e usados
Apesar da queda, os veículos usados apresentaram melhor desempenho em relação aos novos. Houve uma queda de 3,7% em comparação com o mesmo período de 2015. Já as vendas a crédito de novos recuaram 25,7% na mesma base de comparação. No acumulado do ano, o menor recuo dos usados, em relação aos novos, também é percebido. De janeiro a maio, foram financiados 1.139.024 veículos usados, volume 8,7% inferior na comparação com o mesmo período do ano passado. Na mesma base de comparação, os novos somaram 729.866 unidades, queda de 28,4%.
A queda menos acentuada dos usados é percebida em todas as categorias de veículos. Os financiamentos de automóveis leves novos somaram 86.222 unidades em maio, baixa de 25,6% em relação ao mesmo período de 2015. Já os usados totalizaram 212.696 unidades, queda de 3,2% na mesma base de comparação. Em maio, a única faixa etária entre os autos leves que apresentou crescimento foi a de 9 a 12 anos de uso, que tiveram alta de 14,4% em relação ao mesmo período de 2015, enquanto os automóveis leves zero quilômetro recuaram 25,6% na mesma base de comparação
Modalidades de financiamento
Entre as modalidades de financiamento, o CDC apresentou queda de 14% no comparativo entre maio 2015 e 2016, ao somar 297,8 mil financiamentos por meio desta modalidade. No acumulado dos primeiros cinco meses a baixa foi de 19% neste modelo de venda a crédito, com 1,489 milhão de operações. Os dados levam em consideração financiamentos de autos leves, motos e pesados. O prazo médio de financiamento de veículos novos e usados caiu de 40,7 meses para 40,2 nos primeiros cinco meses do ano, em relação ao mesmo período de 2015. Comparando somente o mês de maio, o prazo passou de 40,7 para 40,4 meses.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVarejo no Dia dos Namorados
Próximo artigoCnova anuncia novo diretor