Inadimplência nas micros e pequenas indústrias

0
8
A 15ª rodada do Indicador de Atividade na Micro e Pequena Indústria de São Paulo, encomendada pelo Sindicato da Micro e Pequena Indústria do Estado de São Paulo (Simpi-SP), mostra que 41% dos entrevistados sofrem com inadimplência, 7 pontos percentuais superior ao registrado na pesquisa anterior. O estudo também revela que o índice é o mais alto da série histórica iniciada em outubro de 2013, quando a pergunta foi incluída no levantamento. 
Dos entrevistados que receberam calotes dos clientes, 24% disseram que a empresa deixou de receber até 15% do rendimento no mês anterior ao da pesquisa, aumento de 6 pontos percentuais em relação à 14ª rodada. A inadimplência também afetou 12% dos pesquisados, que tiveram de 15% a 30% do faturamento comprometido.