CSU. Aderência com objetivos propostos

0
18

As operações de televendas da CSU, em função do perfil de cada cliente pode ter uma campanha específica e personalizada, dedicada ao escopo do projeto. Uma das coisas mais importante nestes projetos é a aderência do conteúdo do material com objetivos propostos.
A CSU tem na Times Incentivos um grande aliado na formatação destes pacotes, além de uma equipe de Recursos Humanos com foco em T&D que aprovam, subsidiam e implantam estas ações em conjunto com o cliente.
Os profissionais de vendas, que atuam nos projetos de televendas da CSU, têm dois aspectos relevantes de seu reconhecimento que são: remuneração e mérito. “O profissional também quer carinho, também quer ter seu nome reconhecido e destacado pela equipe”, diz Enrico Prado Leite, gerente comercial da CSU TeleSystem.
Um exemplo de estratégia implementada pela CSU, no segmento financeiro, foi o de alavancar oportunidades na base de clientes. Enquanto a venda de cartões de crédito convencional, no mercado, está na faixa de até 4 plásticos ao dia, por posição de venda, a venda do produto “private label” chegou a alcançar até 12 plásticos ao dia por posição de venda.
“Neste case, você pode ver as etapas que construímos para avaliação da ação e a sua conseqüente continuidade. Os clientes já se habituaram a ver não o valor de uma PA de vendas, mas o custo unitário por produto vendido que a CSU entrega. Quando esta unidade de medição, que é muito mais adequada, é adotada, nossa produtividade coloca os nossos concorrentes em situação muito difícil”, afirma Enrico Prado, lembrando que ao refazer as contas para obter os resultados, deve-se avaliar por produto vendido e não por PA.
O modelo de negócio da CSU está calcado em três pilares fundamentais: produtividade, obtida através da plataforma de call center/televendas; equipe de vendas, que utilizam esta plataforma e com esta ferramenta concretizam os negócios; e o MIS, que avalia os dados de projeto que estimamos realizar na etapa do projeto onde a empresa atua. “De modo que, torna-se uma consultoria para os nosso clientes”, completa Enrico Prado.
Segundo ele, a estratégia do trabalho da CSU é adotada através dos modelos mais importantes de desenvolvimento de banco de dados, limpeza de base, utilização de registros bons e adequação de script e campanhas por produto.