O canal para quem respira cliente.

Aulas de fidelidade, do Oiapoque ao Chuí

Das trilhas de novela para a venda direta de CDs e entretenimento, a gravadora Som Livre, em projeto estratégico de relacionamento com o cliente, abriu um leque de opções em canais de comunicação. O resultado foi a cobertura de distribuição para todo o território nacional. Sendo uma empresa 100% Globo, a Som Livre lançou-se no mercado brasileiro há 30 anos, com a proposta de gravar e comercializar LPs com trilhas sonoras das novelas, seja nacional ou internacional. Carro-chefe da empresa, as trilhas eram compilações compostas por artistas de todas as gravadoras

A lealdade recompensada

No mercado de alta concorrência, baixa lucratividade e produtos que viram commodities, os programas de fidelidade se destacam como atraentes recursos para cativar os clientes. É que a opção de adquirir um artigo ou serviço de uma determinada empresa vem associada a algum tipo de benefício, o que confere um valor muito especial à relação do consumidor com a empresa.

Sr. vendedor. Mais vale um cliente na mão. Satisfeito, é claro!

O alerta é de um dos maiores especialistas em vendas e marketing do Brasil. José Zetune, presidente da poderosa Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing, a ADVB. “Sempre digo aos meus executivos que é preciso sentir o cheiro do mercado. Tem que saber, na linha de frente, o que é o mercado para estabelecer as estratégias e adotar táticas compatíveis com o que você viu. Não de acordo com o que você ouviu”, justifica. Zetune reconhece o valor de novas ferramentas de apoio a vendas como a internet, aposta na consolidação e crescimento “geométrico” do telemarketing dentro do círculo de vendas e fidelização por vários motivos, além da mala direta, das promoções… “É preciso estar atento ao jogo, usando as ferramentas certas para atuar em cada nicho de mercado. E existe muita miopia por aí”, observa.

Foco no cliente

Executiva conta o case da Neoenergia, que trouxe o cliente para o centro do negócio, a partir da inovação tecnológica e da mudança cultural

Rolar para cima