Algar Tech busca acelerar inovação com startups

Companhia está atrás de parceiras com expertise em analytics e decision science, customer experience, jornadas e vendas digitais

0
35
Júlio César Emmert, diretor de novos negócios da Algar Tech
Júlio César Emmert, diretor de novos negócios da Algar Tech

Aberta a novas possibilidades de negócios, a Algar Tech está em busca de parceiros interessados em trabalhar em conjunto e acelerar a inovação. Neste primeiro momento, o objetivo é abrir o diálogo com startups que tenham expertise nas frentes de analytics e decision science, customer experience, jornadas e vendas digitais.

O processo de aproximação com o ecossistema está sendo conduzido pela recém-criada diretoria de Novos Negócios, liderada por Julio Emmert. “Enxergamos a parceria com startups como um meio de acelerar o crescimento da companhia. Queremos repensar a nossa indústria e, para isso, acreditamos na colaboração. Hoje a competição não se dá mais entre as organizações em si, mas sim entre a rede de valor de uma empresa e a rede de valor da outra, o que envolve todas as parcerias e competências agregadas. Daí a importância de unir forças”, explica o executivo.

A Algar Tech realizou, nos últimos três anos, uma completa revisão e digitalização de seu portfólio de serviços. Nesse período, foram R$ 27 milhões investidos em inovação do portfólio, com uso principalmente de inteligência artificial, multicanalidade e automação. Para falar com a Algar Tech, as interessadas devem acessar a área de contato do site e selecionar a opção “Parcerias com empresas e startups” no campo de assunto.

Para as startups, dois grandes pontos de atração da Algar Tech são o acesso a um portfólio robusto de clientes B2B, composto por empresas de diferentes portes e segmentos, e a oportunidade de receber mentoria dos executivos durante o desenho da parceria. Outro atrativo é que as possibilidades de modelos de negócios são variadas, a depender do nível de valor que a solução de determinada startup pode agregar. Gain share, formato no qual a relação se baseia nos ganhos obtidos; parcerias comerciais para abordagem conjunta de mercado; ou até mesmo fusões e aquisições (M&A) estão no leque.